Estude com quem mais aprova. escolha um plano e faça parte dos milhares de alunos que são aprovados todos os anos com o Proenem
Pesquisar

Estude para o Enem totalmente grátis

MOVIMENTOS SOCIAIS

MOVIMENTOS SOCIAIS

Os movimentos sociais são ações coletivas, organizadas por um grupo com intenção de pressionar por alguma demanda social.

MOVIMENTOS SOCIAIS E SUAS TRAJETÓRIAS

Todo movimento social possui algum tipo de objetivo em sua ação e realização. O movimento social é um fenômeno com trajetória histórica que se insere na ordem democrática, uma vez que possibilita a participação para além dos espaços institucionais de deliberação política e dos momentos formais, como eleições, plebiscitos e referendos.

Os movimentos sociais podem ser divididos e separados em várias categorias, conforme seus desejos, organizações e vinculações ao Estado.

TIPOLOGIA DOS MOVIMENTOS SOCIAIS

A primeira tipologia válida é a separação entre movimentos sociais conjunturais e estruturais:

• ESTRUTURAIS:

– demandas em longo prazo.
– grande organização.
– necessidades estruturais, geradas por condições sociais complexas e de difícil modificação.

Exemplo: movimento negro, movimento ambientalista, movimento feminista.

• CONJUNTURAIS:

– duram pouco tempo, vindo a desaparecer e surgir com novas organizações.
– possuem pautas fluídas.
– apresentam lideranças variadas, característica de um novo momento moldado pelas redes sociais e novas redes de comunicação.

Exemplo: Primavera dos Povos, Jornadas de Junho.

Outra maneira válida de compreender as tipologias de movimentos sociais está ligada ao contexto histórico em que surgem. Podemos dividir em movimentos sociais tradicionais, aqueles formados no século XIX, e novos movimentos sociais, aqueles que surgem ao longo do século XX:

• MOVIMENTOS SOCIAIS TRADICIONAIS:

– surgem no contexto da Revolução Industrial.
– possuem relações com demandas de trabalho e direitos trabalhistas.
– também entendidos como movimentos com origem econômica.

greve geral

⇫ Greve Geral de 1917. Trabalhadoras e trabalhadores tomam ruas de São Paulo ⇫

• NOVOS MOVIMENTOS SOCIAIS:

– surgem ao longo do século XX.
– buscam atender demandas de grupos ligados a minorias sociais.
– ampliam-se para grupos que buscam alteração de alguma lógica majoritária na sociedade.

⇫ 17ª Parada do Orgulho LGBT. São Paulo, 2013 ⇫

Vale lembrar que um movimento social só deve ser caracterizado como tal na medida que busque a coletividade, que sua demanda seja passível para toda a sociedade, um movimento social busca uma alteração em toda base da sociedade. Os movimentos podem ser de TRANSFORMAÇÃO, quando buscam transformar e modificar algo na sociedade, ou de MANUTENÇÃO, quando buscam manter algum padrão social estabelecido. Exemplo: se o governo realizasse a legalização das drogas, surgiriam movimentos apoiando essa modificação, seriam movimentos de TRANSFORMAÇÃO, e surgiriam movimentos questionando essa alteração, seriam movimentos que buscam a MANUTENÇÃO da ordem vigente. Da mesma forma que todo movimento pode ser caracterizado como estrutural ou conjuntural, também podem ter sua lógica ligada à manutenção ou transformação da sociedade.

ESTRATÉGIAS E RELAÇÃO COM O ESTADO

Os movimentos sociais precisam aparecer para o público, para ganhar seguidores, simpatizantes e realizar atração dos mais variados grupos sociais, movimentos com maior aceitação possuem mais chance de conseguir permutar suas demandas perante o poder público. Sendo assim, os movimentos realizam ações de apresentação, pressão e divulgação de seus objetivos, isso pode ocorrer através de protestos, manifestações, greves, panfletagens, entre outros.

A relação com o governo é fundamental, alguns movimentos vão manter uma relação de aproximação com o governo vigente, outros de oposição. Essa relação com o governo vai variar do posicionamento, em relação às demandas pautadas pelo movimento. É normal acharmos que todo movimento social vai necessariamente contra o governo que está no poder, mas pode ocorrer de um movimento social ter posicionamentos semelhantes ao instituído pelo governo, estabelecendo uma relação de parceria.

OS MOVIMENTOS SOCIAIS NOS DIAS DE HOJE

Na atualidade é impossível pensar os movimentos sociais sem o uso da internet, as novas redes sociais de informação e comunicação geram possibilidades renovadas de comunicação e informação, essa grandiosa possibilidade gera uma completa mudança na forma de instituir posturas, realizações e movimentos. Um evento no Facebook pode convocar milhares de indivíduos em minutos, acontecimento que seria impossível algumas décadas atrás, mas também pode gerar um conjunto de indivíduos muito mais heterogêneo, que possuem demandas diferentes e maior dificuldade de manutenção de um discurso único e homogêneo.

⇫ Marcha em Manama, Bahrein, durante a
Primavera Árabe. Fevereiro de 2011 ⇫

Quer aquele empurrãozinho a mais para seu sucesso?

Baixe agora o Ebook PORQUE VOCÊ PODE, gratuitamente!

Precisando de ajuda?

Entre em contato agora

👋E aí, ProAluno! Em que posso te ajudar?
Central de Vendas Central do Aluno