ESTRUTURA DISSERTATIVA E CORREÇÃO DIRIGIDA

A prova discursiva do Exame Nacional do Ensino Médio representa um modelo específico de texto a ser apresentado à banca para ser avaliado. Existem várias tipologias diferentes (narração, descrição, dissertação expositiva, dissertação argumentativa, injunção, previsão, diálogo, etc.). Mesmo dentro da tipologia “dissertação argumentativa” há uma série de variações de acordo com o gênero (carta argumentativa, editorial, redação ENEM etc.). Portanto, nosso foco nesta aula está no modelo ENEM. Trata-se de uma dissertação argumentativa acrescida de uma proposta de intervenção.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no linkedin

Já sabemos que dissertação implica posicionamento (tese) e comprovação (argumentos). Já sabemos que cada parágrafo do desenvolvimento deve retomar elementos da introdução. Já sabemos que a proposta de intervenção deve relacionar-se ao problema relacionado ao tema e discutido no texto. Já sabemos que as citações de jornais revistas bem como menção de fatos de outras matérias ou áreas de cultura favorecem a pontuação do texto. É, portanto, necessário, revermos como as notas se relacionam nas competências.

Competência 1: Demonstrar domínio da modalidade escrita formal da Língua Portuguesa.

0 pontos: Não conhece a norma culta da Língua Portuguesa

40 pontos: Demonstra domínio precário da norma culta, desvios frequentes e diversos

80 pontos: Demonstra domínio insuficiente, com muitos desvios

120 pontos: Demonstra domínio médio, com alguns desvios

160 pontos: Demonstra bom domínio, com poucos desvios

200 pontos: Demonstra domínio excelente, desvios são aceitos como exceção e sem reincidência

Competência 2:
Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo em prosa.

0 pontos: Foge ao tema ou não é um texto dissertativo argumentativo

40 pontos: Tangencia o tema ou têm traços de outros tipos textuais

Não perca mais tempo, inicie agora sua preparação para o ENEM!

80 pontos: Copia trechos dos textos de apoio ou não possui proposição, argumentação e conclusão

120 pontos: Argumentação previsível e domínio mediano das estruturas proposição, argumentação e conclusão

160 pontos: Argumentação consistente e bom domínio das estruturas proposição, argumentação e conclusão

200 pontos: Argumentação consistente, repertório sociocultural produtivo e excelente domínio das estruturas do texto dissertativo argumentativo

Competência 3:
Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

0 pontos: Informações, fatos e opiniões apresentados não possuem relação com o tema

40 pontos: Informações, fatos e opiniões são pouco relacionados com o tema ou incoerentes, não há defesa de um ponto de vista

80 pontos: Informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, mas apresentados de forma desorganizada ou contraditória, defendendo o ponto de vista

120 pontos: Informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, mas limitados aos textos de apoio e pouco organizados, defendendo o ponto de vista

160 pontos: informações, fatos e opiniões relacionam-se ao tema, de forma organizada, com indícios de originalidade, defendendo o ponto de vista

200 pontos: 

Informações, fatos e opiniões relacionam-se ao tema, de forma consistente e organizada de forma original, defendendo o ponto de vista.

Competência 4:
Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

0 pontos: Texto não articulado, com ideias fragmentadas

40 pontos: Articulação precária

80 pontos: Repertório precário de recursos coesivos e articulação inadequada entre as partes do texto

120 pontos: Repertório pouco diversificado de recursos coesivos e articulação mediana entre as partes do texto

160 pontos: Repertório diversificado de recursos coesivos e articulação com poucas inadequações entre as partes do texto

200 pontos: Repertório diversificado de 

recursos coesivos e boa articulação entre as partes do texto

Competência 5:
Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Quais as razões para se atribuir nota 0 (zero) a uma redação?

0 pontos: Sem proposta de solução ou proposta não é relacionada ao tema ou ao assunto

40 pontos: Proposta de solução vaga, ou relacionada somente ao assunto

80 pontos: Proposta de solução relacionada ao tema, mas elaborada de forma insuficiente, ou não articulada com a discussão do texto

120 pontos: Proposta de solução relacionada ao tema e articulada com à discussão do texto, mas elaborada de forma mediana

160 pontos: Proposta de solução bem elaborada e articulada ao tema e à discussão do texto

200 pontos: Proposta de

solução muito bem elaborada,

detalhada,

articulada ao tema e à discussão do texto

Gostou de nosso conteúdo sobre redação para o enem?
Temos uma série de outros conteúdos que podem te interessar , dentre eles aulas de redação para o enem
e
possíveis temas de redação para o enem 2022

Para ficar por dentro deste nosso conteúdo se inscreva em nossa lista

O QUE LEVA MINHA REDAÇÃO À NOTA ZERO?

  • fuga total ao tema;
  • não obediência à estrutura dissertativo-argumentativa;
  • texto com até 7 (sete) linhas;
  • impropérios, desenhos e outras formas propositais de anulação ou parte do texto deliberadamente desconectada do tema proposto;
  • desrespeito aos direitos humanos; e
  • folha de redação em branco, mesmo que haja texto escrito na folha de rascunho.
EXEMPLO:

CADASTRE-SE

E receba em primeira-mão todas as novidades dos Vestibulares, Ofertas, Promoções e mais!